Dia das Mães: de celebração ativista a data comercial

0
Yasmin Melo é especialista em Marketing e Estratégias de Vendas

O Dia das Mães é uma das datas mais importantes para o comércio, tem um forte apelo comercial e pelo segundo ano seguido será celebrado em plena pandemia. A data foi criada por Anna Jarvis, no início do século passado, nos Estados Unidos, como forma de homenagear todo o esforço e trabalho realizado por sua mãe. Anna escolheu o segundo domingo de maio porque era próximo do dia 9 de maio, data da morte de sua mãe. Aos domingos, os filhos poderiam voltar para casa para participar das comemorações. No Brasil, a data se popularizou na gestão do então presidente Getúlio Vargas. Relatos históricos, porém, afirmam que na Grécia antiga já existiam cultos em homenagens às deusas, que representavam as mães dos deuses.

Quando criou o Dia das Mães, a intenção de Anna era fortalecer os laços familiares, o respeito e o reconhecimento do trabalho das mães. Com o passar dos anos, a data ganhou forte apelo comercial, com demonstrações de afeto feitas através de presentes. A conexão emocional da data ajuda a elevar o faturamento do comércio nesta época do ano.  E em tempos de crise, o setor aposta alto para reverter o impacto causado pela pandemia até aqui.

Com o abre e fecha do comércio, muitos consumidores migraram para a internet. E aí encontramos dois grandes problemas: o primeiro é que todo mundo está vendendo o mesmo e da mesma forma. Um excesso de gatilhos que abusa da paciência do consumidor. O segundo são aquelas empresas que ainda não estão na internet. É como uma lojinha aberta no meio do deserto. Este caso, porém, é mais fácil de resolver. A própria internet tem uma série de cursos, ferramentas e tutoriais para seu negócio tornar-se online.

Para quem está na internet, mas fazendo igual ao concorrente, há algumas dicas para destacar o seu negócio:

– crie um nome atrativo para os seus serviços, produtos ou categorias.

– tenha uma empresa com alma. O mais autêntico sempre se destaca. Estratégias de marketing com maior retorno são as que têm alma, as que são diferentes e têm personalidade.

– Venda sem vender. Desperte curiosidades e sensações. Mostre o que mudará na vida do seu cliente após adquirir seu produto ou serviço. Venda a sensação e não o produto.

O Dia das Mães pode ser uma ótima oportunidade para conquistar novos consumidores.  Investir no atendimento, suporte no pós-venda, brindes e serviços diferenciados são ações que também vão ajudar a fidelizar o cliente.

 Por: Yasmin Melo

Fonte: Ivone Moreira/ImPauta Comunicações

 

 

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.